OUTUBRO



OUTRAS ACTIVIDADES / COMEMORAÇÕES:
EXPOSIÇÕES:

até 31 Outubro
EXPOSIÇÃO "A COR SE FEZ PALAVRA"
Foyer do Auditório da Casa das Artes
Exposição Colectiva e Sarau Poético onde 18 Pintores vêm os seus trabalhos ilustrados em poesia e recitados por 18 poetas. Durante a citação dos poemas, os poetas serão acompanhados à viola por Teófilo Pimentel Cerqueira.Haverá música durante o evento ao som dos HourglassBand. 
PINTORES: Adiasmachado, António Aguiar, António Porto, Arnaldo Macedo, David Bastos, Domingos Silva, Doroteia Pinto, Dulce Demacedo, Gloria Costa, Jorge Marques, Jorge Silva, Lee Feliz, Marco Santos, Maria João Sampaio, Mutes, Nuno Portela, Onofre Varela, Rosa Adriaco
POETAS: Alice Queiroz, Ana Albergaria, António Bondoso, Carla Valente, Carina Flor, Cidálio Castro, Duarte Kut, Eduardo Leal, Fátima Veloso, Francisco Correia, Hélder Magalhães, Hélder Leal Martins, José Ilídio Torres, José Sepúlveda, Lourdes dos Anjos, Maria Mamede, Maria Teresa Almeida, Pedro Marques
Organização: Mutes e Adiasmachado





CINEMA:


31 Outubro e 2 de Novembro
Sexta e domingo às 22h00
O SONHO CERTO
Género: Comédia Romântica
Realização: Kristjan Knigge
Com: Mark Killeen, Miguel Damião, Lúcia Moniz, Ellie Chidzey, Beau McClellan, Carl Hawker, Bruno Vasconcelos, João Calvário






















NOVEMBRO


Música/ Fado:

1 de Novembro
sábado às 22h00
CARMINHO
Auditório da Casa das Artes
Pré-venda e reserva de bilhetes a partir de 27 de Outubro. Preço único €15,00
Com “Perdoname”, com Pablo Alborán, Carminho torna-se na primeira artista portuguesa a atingir o número 1 do top espanhol. Lançou em 2012 o seu segundo álbum, "ALMA", que estreou em primeiro lugar nos tops de venda portugueses e alcançou lugares de destaque em vários tops internacionais. Já no final de 2012, após cumprir mais de noventa datas em Portugal e no estrangeiro, Carminho realiza um sonho de sempre e grava com Milton Nascimento, Chico Buarque e Nana Caymmi, resultando numa reedição de "Alma" com os três novos temas. O ano de 2013 foi o ano da consagração de Carminho no Brasil, confirmada pela surpreendente actuação na abertura do Carnaval de Recife e concertos esgotados no Rio de Janeiro e um pouco por todo o país; foi também o ano de uma digressão internacional que que levou a sua voz a países como Israel, Letónia, Alemanha, Luxemburgo, Turquia, Angola, Espanha, Bélgica, Reino Unido, França. Regressa agora à Casa das Artes para um concerto intimista inserido na nossa mais recente tour nacional.  


Dança/Flamenco:

8 de Novembro
sábado às 22h00
PUERTO FLAMENCO (Espanha)
Apresentação do novo espetáculo “ISLA” 
Auditório da Casa das Artes
Pré-venda e reserva de bilhetes a partir de 3 de Novembro. Preço único €5,00
(entrada gratuita para público escolar)
https://www.youtube.com/watch?v=Bt00JdRGHBc
No seu nono ano de existência, a companhia Puerto Flamenco persegue o desafio de abordar importantes questões contemporâneas, permanecendo verdadeira à essência do flamenco.
Esta produção gira à volta do tema central da ilha. Sendo um trabalho não narrativo, ISLA propõe interpretações variadas do conceito de ilha, fazendo também uma homenagem subtil à ilha natal do diretor da companhia: Malta.
Este espetáculo é um comentário sobre a individualização da nossa sociedade e também uma preocupação com o flamenco: um género que está a passar pelas suas próprias transformações.
Assim, a ilha emerge como um paraíso escondido de abandono do eu através do processo de arte comum.
Este espectáculo marca o regresso da companhia espanhola à Casa das Artes arcuense.



















Cinema/ sessão especial:

14 de Novembro
sessões às 9h30 (público escolar)
e 22h00 (público geral)
"OS MAIAS"
de João Botelho
(entrada gratuita para público escolar)
Auditório da Casa das Artes
O filme é uma co-produção luso-brasileira, com um elenco composto pelos atores Miguel Guilherme, João Perry, Graciano Dias, Pedro Inês, Maria João Pinho, a atriz brasileira Maria Flor, entre outros.
"Os Maias", um dos clássicos da literatura portuguesa, foi publicado em 1888 e relata a história de três gerações da família Maia, em particular o romance incestuoso entre Carlos da Maia e Maria Eduarda, irmãos. Eça de Queirós traça ainda, com ironia, um fresco da sociedade portuguesa no final do século XIX, que João Botelho considera atual.
“Como filmar este texto magnífico, sem o trair, sem o amputar, sem o amesquinhar? Porque, eu sei, o cinema não é o que se passa nem sequer quando se passa, mas como se filma. Um mesmo texto nas mãos e nos olhos de diferentes “autores” resulta necessariamente em filmes diferentes.", afirmou o realizador.
A partir de Novembro estará em exibição a versão longa do filme, numa digressão presente um pouco por todo o País, que inclui também Arcos de Valdevez.




















Dança contemporânea:

21 de Novembro
sexta às 22h00
O CAPUCHINHO AMARELO
Movimento Incriativo
Auditório da Casa das Artes
Entrada gratuita
Estreia da nova produção profissional da Movimento Incriativo (MiNC), em co-produção com a Casa das Artes/Município de Arcos de Valdevez. Nesta 5ª produção de cruzamento disciplinar (dança, teatro e música) a MiNC convida a viajar pelo “mundo dos pequeninos que têm medo das coisas grandes”, sublinhando a reflexão: “Tenho um segredo, o medo de descer da minha cama e subir para o mundo dos adultos, subir num balão de ar quente sem destino em que rir é proibido”
Encenação: Hugo Sousa
Intérpretes: Carlos Silva, Bibiana Figueiredo
Música original: António Rocha
Cenografia e Desenho de Luz: Jonathan Ricther
Co- Produção: Movimento Incriativo e Casa das Artes/Município de Arcos de Valdevez.


Música/ Pop Rock:

22 de Novembro
sábado às 22h00
PERRY BLAKE (Irlanda)
Auditório da Casa das Artes
Pré-venda e reserva de bilhetes a partir de 17 de Novembro. Preço único €6,00
Perry Blake é um dos songwriters de referência na Europa, a sua música conquistou grande legião de fãs e o culto pela sua música é um facto indesmentível. Sete álbuns editados e muitas colaborações, entre elas a colaboração com Françoise Hardy & Emilie Simon que lhe valeu um disco de Ouro e um Grammy em França. Estes são factos que dão créditos a qualquer artista e dão igualmente mostra de uma carreira sólida. As múltiplas tours Europeias mostram ainda o carinho e o apreço que o seu público lhe dedica. Perry Blake escreveu também extensivamente para o cinema e TV e atualmente é vocalista convidado da Orquestra de Jazz Nacional da França sob direção de Daniel Yvinec.
2014 marca o regresso de Perry Blake aos discos e consequentemente aos concertos na Europa. ESB featuring Perry Blake é o seu novo projeto. O seu novo projeto é inspirado na paixão que sempre mostrou pela música Pop Electrónica Clássica. Glenn Garrett é por excelência um dos melhores produtores da Irlanda, trabalhou com Brendan Perry dos Dead Can Dance e com Steve Wickham dos Waterboys e terá a honra de acompanhar Perry Blake nesta nova etapa, dando vida e cor às músicas de Perry Blake e marcando presença nos palcos ao lado de Perry Blake.
Este é um regresso à Casa das Artes que voltará a ser, com toda a certeza, memorável.
http://www.perryblake.com/Perryhome.html






















Outras actividades/ ballet:

23 de Novembro
Domingo às 16h30
ESCOLA DE BALLET DE PONTE DA BARCA
Auditório da Casa das Artes
O palco da Casa das Artes recebe, mais uma vez e como nos últimos anos, o espectáculo de apresentação anual da Escola de Ballet da C.M. de Ponte da Barca, incluindo as suas várias classes, compostas por elementos de diversas idades.


Outras actividades/ Congresso:

27 a 29 de Novembro
quinta a sábado, manhã e tarde
4º CONGRESSO INTERNACIONAL
“CASA NOBRE: UM PATRIMÓNIO PARA O FUTURO”
Auditório da Casa das Artes

Este congresso trienal conhece este ano a sua 4ª edição, dando desta forma seguimento a um projeto consolidado de estudo da memória, arquivo, heráldica, genealogia, defesa e valorização do património construído, turismo e desenvolvimento regional, entre outros, num evento único nas suas características e assumidamente um dos fóruns principais de reflexão, estudo e debate sobre estas temáticas ao nível nacional e internacional. Atrair e divulgar a investigação de qualidade em torno destes temas e problemáticas, é o objectivo central de uma iniciativa que consegue ser, também, um exemplo de cooperação entre uma Autarquia, o Município dos Arcos de Valdevez, e Universidades, nacionais e estrangeiras, representadas através de vários docentes e investigadores.


Exposição temática:

De 28 de Novembro de 2014 a 31 de Janeiro de 2015
GRAVURAS ANTIGAS DE PORTUGAL (SÉCULO XVI-XIX):
GEOGRAFIA, HISTÓRIA E ARTE
de José Silva Ferreira
Entrada principal da Casa das Artes
Integrada no 4º Congresso Internacional “Casa Nobre: Um Património para o Futuro”.





















Exposição temática:

De 28 de Novembro de 2014 a 31 de Janeiro de 2015
OLHARES SOBRE A TERRA MÃE
de Luís Aguiar Branco
Foyer do Auditório da Casa das Artes
No entendimento da arquitetura como uma disciplina abrangente que envolve as relações inseparáveis do Homem com o Meio, o território apresenta-se como um gigantesco livro aberto à espera do olhar curioso sobre os vestígios, marcas, e construções que o tempo deixou chegar até aos nossos dias afirmando uma herança comum de valor incalculável. Aproveitando o generoso espaço de um jornal diário de grande tiragem para comunicar sobre as temáticas relacionadas com os valores patrimoniais, estabeleceu-se uma abordagem de forte componente visual destacando imagens de fotografias e desenhos, acompanhadas de um pequeno texto sintético numa linguagem tendencialmente acessível, em que tudo colaborasse para fomentar o interesse sobre a variedade das abordagens, revelando aspetos geográficos, toponímicos, históricos, arquitetónicos, simbólicos ou aceitando o sumo descritivo sobre personagens e acontecimentos. Existe uma preocupação explícita sobre edifícios em ruínas, abandonados pela incúria ou pela inércia dos organismos oficiais, em que o tempo natural inclemente ao desgoverno dos homens apaga a memória de inscrições ou de aspetos decorativos e arquitetónicos, até à fatalidade consumada do absurdo desaparecimento.

Integrada no 4º Congresso Internacional “Casa Nobre: Um Património para o Futuro”.




























CINEMA:

7 e 9
Sexta e domingo às 22h00
O JUIZ
Género: Drama
Realização: David Dobkin
Com: Robert Downey Jr., Robert Duvall, Billy Bob Thornton






















9
domingo às 15h00
OS MONSTROS DAS CAIXAS
Género: Animação
EM PORTUGUÊS. ENTRADA GRATUITA PARA CRIANÇAS ATE AOS 12 ANOS INCLUSIVE
Realização: Graham Annable, Anthony Stacchi
Com vozes de: Eduardo Madeira, Manuel Marques, Nuno Markl, Rui Unas, Sónia Araújo



15 e 16
Sexta e domingo às 22h00
TARTARUGAS NINJA: HERÓIS MUTANTES
Género: Acção / Aventura
Realização: Jonathan Liebesman
Com: Megan Fox, Alan Ritchson, Noel Fisher, Jeremy Howard, Pete Ploszek, Will Arnett, Danny Woodburn, William Fichtner, Abby Elliott, Whoopi Goldberg
























23
domingo às 22h00
INTERSTELLAR
Género: Ficção científica
Realização: Christopher Nolan
Com: Matthew McConaughey, Anne Hathaway, Jessica Chastain, Bill Irwin, Ellen Burstyn e Michael Caine.























29 e 30
Sábado e domingo às 22h00
JOHN WICK
Género: Acção / Thriller
Realização: David Leitch
Com: Keanu Reeves, Michael Nyqvist, Alfie Allen, Willem Dafoe